O agravamento das contradições interimperialistas e a recente agressão imperialista à Síria

Na noite da última sexta-feira, dia 13 de abril, o pulha que é o gerente de plantão da maior nação imperialista do globo, Donald Trump, anunciou via Twitter mais um bombardeio à Síria[i]. Ao seu lado em mais essa agressão a primeira-ministra britânica Theresa May e o presidente francês Emmanuel Macron. Dessa vez, a justificativa para a chuva de mais de uma centena de mísseis em Homs e Damasco foi atingir supostos centros de pesquisa e armazenagem de armas químicas […]

Leia mais

Reafirmar a Necessidade de uma Posição Política Independente do Proletariado na Luta de Classes

Sobre a prisão de Lula e o caráter de partido burguês do PT   [Os proletários] não devem se deixar cativar […] pela retórica dos democratas, como, por exemplo: dessa maneira se estaria fracionando o partido democrático e dando à reação a possibilidade de chegar à vitória. No final das contas, todo esse fraseado vazio tem um único propósito: engambelar o proletariado. Os avanços que o partido proletário poderá fazer através dessa atuação independente são infinitamente mais importantes do que […]

Leia mais

O Sal da Terra

Em homenagem ao 8 de março, Dia Internacional das Mulheres indicamos, abaixo, o filme O Sal da Terra (1954) dirigido por Herbert J. Biberman e com roteiro de Michael Wilson. Baseado em fatos reais o filme retrata uma greve de mineiros no Novo México, EUA e destaca, principalmente, a combatividade, a coragem, a alegria e o vigor das mulheres ao assumirem a vanguarda da luta do proletariado. Importante destacar que no filme, magistralmente dirigido e com roteiro magnífico, a maioria dos […]

Leia mais

A nova intervenção militar no Rio de Janeiro: reforço da repressão burguesa no Brasil

Foto de capa da Folha de São Paulo (21/02/2018)  ‍ Hoje em dia, qualquer situação de incursão é esculacho em cima do morador. Entram na casa, batem, obrigam a fazer as coisas. Entram sem licença, sem documentação, e revistam, acham que têm direito de fazer tudo. Trocam tiro com bandido com a gente na rua ou não. Não tem hora certa pra poder entrar ou fazer incursão, de causar vários tipos de problema. Relato de Morador da Maré no livro […]

Leia mais

A Continuidade da Crise do Imperialismo

Conjuntura Atual – Teses para Discussão 1ª Parte – Economia Mundial Acesse aqui o documento em pdf. Recuperação em 2017 e Aceleração em 2018?   Desde meados do ano passado, governos, políticos, organismos internacionais, analistas de mercado, grande imprensa, banqueiros e demais burgueses vêm declarando em uníssono: a crise acabou! 2017 teria consolidado o crescimento no mundo e encerrado a recessão no Brasil. 2018 será um ano melhor, nos diz o coro do capital. Vejamos a abertura do primeiro parágrafo […]

Leia mais

A dinâmica do capitalismo hoje é exatamente a que Karl Marx previu

Reproduzimos abaixo boletim publicado pelo Banco Natixis em 02 de fevereiro de 2018. O original pode ser acessado aqui. Nos países da OCDE hoje observamos a sucessão de desenvolvimentos que Karl Marx havia previsto: 1- o declínio na eficiência das empresas (desaceleração da Produtividade Global dos Fatores), sendo todas as coisas iguais, implica uma diminuição do retorno do capital das empresas; 2- as empresas reagem a esse desenvolvimento reduzindo os salários (distorcendo a participação na renda em favor dos lucros); […]

Leia mais

A atual reforma trabalhista e a luta de classes no Brasil – 2ª parte

Acesse aqui a 1ª parte desse texto. ‍ Para aprimorar a análise e a resistência Com a reforma aprovada, é preciso não só analisar os impactos imediatos e futuros para a luta de classes, mas também entender as razões pelas quais a resistência a esta não logrou êxito. Em primeiro lugar, o reformismo, que hoje branda, na maior parte como blefe, contra a reforma, pouco tempo atrás era o elemento articulador da mesma. O Programa de Proteção ao Emprego (PPE)[1] […]

Leia mais

A atual reforma trabalhista e a luta de classes no Brasil – 1ª parte

A atual reforma trabalhista brasileira, aprovada e sancionada em 2017, é uma resposta explícita à conjuntura de crise por parte das diversas frações da burguesia[1]. Em seu discurso ideológico, a reforma visa, sobretudo, a retomada da economia, do emprego e da renda, ao elevar condições de produtividade e competitividade do país. Traduzindo para a classe operária: visa melhorar/retomar as condições para acumulação dos capitais resididos aqui via aumento da exploração e da dominação de classe. Em vez de uma mera […]

Leia mais

A mulher é o futuro do homem

O coletivo Cem Flores reproduz nesta postagem o texto, “A mulher é o futuro do homem“, produzido pela camarada Ana Barradas para o site Bandeira Vermelha. ‍ ‍ A mulher é o futuro do homem Ana Barradas ‍‍ Só a luta das mulheres pelos seus direitos poderá conferir um cunho feminista à luta geral pela emancipação e só essa marca imposta pelas mulheres à luta geral poderá salvar a revolução futura de soçobrar. Nos primeiros dias de Janeiro de 2018, […]

Leia mais
1 2 3 15