O governo Bolsonaro e a ofensiva reacionária na educação

Cem Flores A busca por realizar uma reforma reacionária do sistema educacional brasileiro é um dos aspectos centrais do governo Bolsonaro e de parte importante de seus aliados políticos e sua base eleitoral, composta pelas camadas médias, líderes religiosos (especialmente os neopentecostais), militares e militantes e parlamentares da extrema-direita.  Ao contrário da análise superficial – baseadas nas patéticas ações dos seus principais proponentes no governo: o Ministro da Educação (sic!), a Ministra da Mulher, da Família e dos Diretos Humanos […]

Leia mais

Ainda o 8 de Março, de Ana Barradas.

Continuando a publicar materiais alusivos ao Dia Internacional da Mulher Proletária reproduzimos o texto Ainda o 8 de Março, da camarada Ana Barradas. O original , publicado em maio de 2017, pode ser acessado aqui. Ainda o 8 de Março Ana Barradas Só haverá solidariedade entre as mulheres trabalhadoras se for em volta de uma plataforma revolucionária que está por criar. Mesmo assim, muitas mulheres continuam a ver o Dia Internacional da Mulher como um marco de eleição para reafirmar […]

Leia mais

O 8 de Março Ainda é o Dia da Mulher? de Ana Barradas

Nos últimos anos é explícito o ascenso da luta das mulheres. No Brasil e no mundo assumem um papel de vanguarda nas grandes manifestações populares, no combate ao fascismo e na defesa das bandeiras do nosso povo. Crescem assim as posições feministas revolucionárias e, no mesmo processo, as reformistas, oportunistas e pequeno-burguesas. Debater hoje o conteúdo e o sentido do crescimento da luta das mulheres é central para a retomada da luta de classes do ponto de vista do proletariado. […]

Leia mais

A recente resistência dos Metalúrgicos da GM no Brasil e suas lições para a luta operária

Cem Flores A multinacional norte-americana GM enfrenta graves problemas nos últimos anos. Começando pela crise de 2008 – quando foi socorrida pelo “liberal” Estado dos EUA com aproximadamente US$50 bilhões[i]–, passando pelas dificuldades em concorrer com rivais asiáticas pelo mundo, e por reestruturações constantes. No final do ano passado, a empresa anunciou mais uma enorme reestruturação mundial, objetivando, é claro, recuperar suas margens de lucro. Unidades produtivas inteiras e pelo menos 15% dos funcionários ficaram, desde então, na mira. Eis […]

Leia mais

A Reforma da Previdência faz parte do programa de classe da burguesia, de opressão e exploração dos trabalhadores

Cem Flores Na quarta-feira, dia 20 de fevereiro, o circo (de horrores!) foi montado em Brasília. Sob o aplauso unânime e entusiástico da grande imprensa, da grande indústria, dos grandes bancose do capital internacional, o governo entregou ao Congresso Nacional sua proposta de “reforma” (sic!) da previdência. O documento celebrado pelos funcionários do capital (foto abaixo) visa baratear o valor da força de trabalho no país, tornando-a mais lucrativa para os patrões; permitir a redução da carga tributária das empresas, também ampliando seus lucros; […]

Leia mais

Combater o reformismo e o oportunismo. Desenvolver e organizar a posição proletária na luta de classes.

Apresentação do artigo de Lênin: “Mais uma vez sobre o Ministério da Duma”   Em períodos como o que vivemos hoje no Brasil, em que é necessário combater a reforma trabalhista, a reforma da previdência, dentre outros avanços da burguesia sobre a classe operária e as classes dominadas, muitos, de forma sincera, podem se questionar:qual deve ser a posição proletária na luta de classes, incluindo os períodos de ofensiva da burguesia? Ceder nos princípios e tentar crescer na lógica do […]

Leia mais

O Hipócrita Patriotismo Burguês de Bolsonaro e seus Objetivos

Bolsonaro presta continência à sua bandeira em evento nos EUA. ‍ Cem Flores ‍ Todos lembram a patética frase de campanha com a qual Bolsonaro empolgava os setores mais reacionários do país e com a qual encerrou um dos seus discursos de posse: “a nossa bandeira jamais será vermelha”. Todos também recordam o fajuto slogan da campanha de Bolsonaro: “Brasil acima de tudo”. Todos igualmente viram o logotipo de propaganda do seu governo: “Pátria Amada, Brasil”. Por fim, todos obviamente […]

Leia mais

Louis Althusser: O “Que” de “Que Fazer?” (Inédito, 1978)

‍ ‍Apresentação e tradução por Cem Flores ‍ Dando continuidade à tradução dos inéditos de Althusser[I], apresentamos aos camaradas leitores o primeiro capítulo do livro Que fazer? , de 1978[II]. O nome do capítulo é O “Que” de “Que Fazer?”. Como o próprio título indica, nessa ocasião, o autor buscou ratificar a relevância teórica e política da “velha pergunta de Lênin” para a classe operária em sua luta, tanto em sua dimensão mais imediata, tática, quanto em sua dimensão de […]

Leia mais

Sobre a crise na Venezuela

A experiência histórica de luta proletária e comunista nos ensinou diversas vezes que a reação burguesa aumenta em ferocidade e violência a cada derrota que lhe é imposta pela luta do proletariado e das massas populares. A razão para isso está na redução (ou perda) de seus privilégios de classe, dos seus lucros, dos seus luxos, do seu mando sobre o aparelho do Estado burguês. Daí o ódio que a burguesia devota ao proletariado e ao povo pobre em geral. […]

Leia mais

Atos em São Paulo mostram que não há repressão que impeça as classes dominadas de lutar!

Rap do Ônibus Projota […] Seria engraçado se não fosse desesperador Aos olhos de quem me governa, é esse o meu valor Sardinhas enlatadas são jogadas ao relento Folhas secas sem vida vão levadas pelo vento A raiva toma conta, muita treta, normal Nasce agora um assassino serial Prefeito que dá o aval, avisa já pra geral “Economiza porque o buzo vai subir mais um real” Meia dúzia na rua derruba buzo, incendeia Alguns sem vê, sem nada, abusam e […]

Leia mais
1 2 3 19